Federação de Judô de Mato Grosso do Sul

Federação de Judô de Mato Grosso do Sul

Ata Assembléia Geral Ordinária da FJMS – 2012

ATA DA ASSEMBLÉIA GERAL ORDINÁRIA PARA APRESENTAÇÃO DO RELATÓRIO TÉCNICO E ADMINISTRATIVO, BEM COMO PRESTAÇÃO DE CONTAS REFERENTES A 2011, PLANEJAMENTO GERAL PARA 2012 E ASSUNTOS GERAIS DA FEDERAÇÃO DE JUDÔ DE MATO GROSSO DO SUL – 28/01/2012.

Aos vinte e oito (28) dias do mês de janeiro (01) de dois mil e doze (2012), às nove horas (9h00) reuniram-se em Assembléia Geral Ordinária da FJMS, na sede da FJMS, situada na Av. Calógeras, 447, Campo Grande-MS, os representantes legais das filiadas, e que assinaram a lista de presença, em anexo, atendendo ao edital de convocação, para aprovação de contas de 2011, apresentação do relatório técnico e administrativo 2011, para o planejamento técnico, financeiro e administrativo 2012, e assuntos gerais.
O Presidente Cesar Paschoal agradeceu a presença de todos, justificando a ausência do Professor João Rocha (que está na Europa), do Vice-Presidente da FJMS, Prof. Jairo Rodrigues (Aracaju – pela Federação Escolar), Professores Alessandro Nascimento, Igor Costa da Rocha, Marcos Aguilera (que estão com atletas de alto rendimento em treinamento no Estado de São Paulo), e do Prof. Reginaldo Arruda, agradecendo em especial ao Prof. João Rocha, por tudo o que tem feito pelo Judô de Mato Grosso do Sul, e também pelo Judô do Brasil, através da Diretoria da Confederação Brasileira de Judô. Agradeceu a confiança concedida pelos clubes filiados e enfatizou o crescimento de nosso judô, em todos os setores (arbitragem, técnico, arbitragem e dirigentes).
Pediu uma salva de palmas para quatro de seus diretores, que não mediram esforços para que 2011 se tornasse mais um ano histórico para o nosso Judô, são eles, Prof. Marcelo Matos (Departamento Técnico) Prof. Marcos Shimabukuro (Departamento de Arbitragem), Sra. Sueli Cano (Departamento Financeiro) e Sr. Américo Soares, Diretor de Secretaria, e também para a Adália Freitas, nossa Secretária Executiva, que cumpriu com muita eficiência as suas obrigações.
Alegando problemas particulares a serem resolvidos, o Presidente pediu a todos muita compreensão neste ano de 2012, pois estará em um novo projeto de vida profissional, e nem sempre poderá atender imediatamente cada um daqueles que o consultarem, ou algum problema tiverem a ser resolvido, pedindo que enviem e-mail (cesarppaschoal@gmail.com) que será respondido a tempo certo. Também retornará as ligações, mas pede para que deem preferencia para o e-mails, e se houver urgência, que entrem em contato com a Adalia.

O ENDEREÇO DA SEDE DA FEDERAÇÃO DE JUDÔ DE MATO GROSSO DO SUL é: AVENIDA CALÓGERAS, 447, VILA CARVALHO, CAMPO GRANDE – MS.

Dando prosseguimento a Assembléia, passou-se a palavra a cada um dos diretores, que assim se pronunciaram:
SECRETARIA: Sr. Américo Soares

• Apresentou o novo modelo de carteirinha, a ser expedida pela FJMS, através do programa informatizado, e que será plastificada pela FJMS, pois houve a aquisição de uma máquina plastificadora. Mais um investimento da FJMS para ajudar os professores e organizar a secretaria da FJMS.
• Que está tentando fazer atualizações, mas às vezes não tem informações dos clubes e associações.
• Informa que tanto o site (pede para consultar diariamente, se possível) como os e-mail são as divulgações oficiais da Federação e solicita que todos ao receberem e-mail da FJMS que deem ciência do recebimento, pois às vezes ficamos sem saber que não está informado.
• Pergunta a todos os presentes se receberam o e-mail que solicita o recadastramento dos atletas e técnicos. Todos responderam afirmativamente.
• – Foi colocado o prazo de 24 de fevereiro de 2012 para o envio dos documentos, pois após este período as carteirinhas terão custo, eis que o Torneio Início será dia 3 de março. Para os demais atletas (que não irão competir no Torneio Início 2012), o prazo é até o final de abril de 2012.
• A anuidade dos atletas continuará sendo paga, e a isenção será apenas da carteirinha até o dia 24/02. Após esse prazo, será pago mais R$ 5,00 referente a carteirinha.
• O diretor técnico Emerson diz que todas as melhorias que são oferecidas na presente Assembléia são problemas pontuados no ano anterior, e o maior problema que tivemos foi com expedição de carteirinhas no dia da competição.
• Ficou decidido que cada entidade, terá 10% de bônus (de acordo com o número de inscritos no evento) para vir sem carteirinha, mas terá que estar com a documentação (copia da identidade, foto e ficha de inscrição) no ato da pesagem, sob pena de não competir.
• Presidente Cesar Paschoal pede a palavra e fala da documentação dos Clubes. Hoje só 6 (seis) filiados estão regulares (diretoria/estatuto). Foi dado o prazo até 31 de julho de 2012 aos demais clubes para apresentar documentação, já que a CBJ está exigindo da FJMS.
• Novamente entrou em pauta a expedição do alvará de funcionamento dos clubes. O Secretário Américo disse que vai providenciar, mas só pode expedir para os clubes que estão regulares, então terá que, primeiro, aguardar a regularização do dia 31/07/2012, para depois expedir a todos.
• Aqueles que não regularizarem até a data acima (31/07/2012) estarão impedidos de participar ou realizar eventos de judô em Mato Grosso do Sul ou fora dele.
• Foi colocado em discussão sobre as academias que estão funcionando irregulares, tanto no interior como na capital. Não há qualquer controle por parte da FJMS, quanto a essas atividades em todo o Estado. São verdadeiros clandestinos, e que devem ser chamados para regularização, sob pena de providências a serem tomadas, inclusive mediante expedição de ofícios para as autoridades cabíveis, como o CREFI, Prefeituras, Fundações Esportivas, etc…
• Houve neste ato denúncia que faixa amarela, laranja, verde, roxa, marrom e preta, que não são sequer acadêmicos de Educação Física, estão ministrando aulas e treinamentos de judô. O que é um absurdo. Foram dadas opiniões diversas, inclusive em dividir em regiões e os profissionais mais próximos fazer uma visita e tentar regularizar, não para afastar os responsáveis, mas trazê-los para a Federação.
• Ficou então acertado que cada um dos judocas cadastrados na FJMS, sejam dirigentes, professores, atletas ou árbitros estão com a responsabilidade de detectar e informar esses locais para a FJMS, até o dia 30/04/2012, , com endereço completo, preferencialmente já constando o nome e a faixa (ou qualificação) de quem está ministrando essas aulas e se tem algum responsável da FJMS por esse local, e quem é.
• RESUMINDO: 24/02/2012, 30/04/2012 e 31/07/2012 são prazos importantes a serem observados, para o bem do nosso futuro.

ARBITRAGEM: Prof. Marcos Shimabukuro

• Marcos informa que 12 árbitros participaram de campeonato Nacional, tivemos 4 promoções no quadro nacional.
• Prof. Reinaldo foi quem mais compareceu como árbitro em 2011.
• A partir de 2012 o material de arbitragem não mais ficará sob a responsabilidade do diretor de arbitragem. Ficará na Federação e quem for realizar o Campeonato terá que vir buscar e entregar na Federação, somente quando o evento for realizado no interior que será levado pelo Diretor de arbitragem, ou a quem este indicar.
• Os novos materiais na CBJ (tatames, placares eletrônicos, câmeras de vídeo, notebooks) ainda não serão liberados para uso dos clubes, nem para os eventos do Circuito Estadual, salvo alteração futura, dependente de conversa com a CBJ.
• Informa a convocação do árbitro Antônio Esmi para a Seletiva Nacional de Fortaleza-CE
• Solicita que todos os árbitros compareçam no Torneio Início, que será no dia 3 de março, no Ginásio do Oswaldo Tognini, e de altíssimo nível técnico.

PARADESPORTO – JANSSER LORIMER

• Colocou-se a disposição dos técnicos do interior, inclusive, para explicações sobre o trabalho com Deficiente Visual e informa que vários clubes de Campo Grande e do Interior já estão trabalhando com a modalidade.
• Informa também que, num evento nacional recente do Paradesporto, dois atletas de Três Lagoas (Prof. Ovídio) foram considerados pelo Comitê Paraolímpico Brasileiro como os atletas mais técnicos.
• Mato Grosso do Sul tem hoje a possibilidade real de ter duas atletas (Michele Ferreira e Victória Santos) convocadas para as Paraolimpíadas de Londres-2012.

COMISSÃO DE GRAUS – PROF. LEONILDO DE PIERI

• Prof. Leonildo coloca sua preocupação com o trabalho professor/aluno.
• Pede para que os professores avaliem corretamente seus indicados e façam um bom currículo do candidato, pois a Comissão será neutra e terá autoridade para negar.
• Ovídio diz que a idoneidade moral quem expede é o poder público e não o Professor.

TESOURARIA – SUELI CANO

• Logo após passou a palavra à tesoureira, que após apresentar as contas, disse que as taxas serão mantidas, apesar da inflação.
• Quem não regularizar a situação do clube não vai participar do Torneio Inicio, da mesma forma, quem estiver com parcelas atrasadas ou cheques que tenham voltado, não irão participar das demais competições, mesmo sendo evento particular ou oficial, a Federação não irá autorizar.
• Continua o parcelamento em até 10 vezes
• Ficou mantida a tabela de 2011, em todos os seus termos.
• Neste momento foram prestadas as contas referentes ao ano de 2011, demonstrando principalmente as receitas e despesas referentes ao ano de 2011, e a Assembléia Geral homologou o parecer do Conselho Fiscal, à unanimidade, que apreciou as contas e nada apontou de irregularidades.

DEPARTAMENTO TÉCNICO – Prof. Emerson Ramos

• O Regulamento Técnico de 2012 foi amplamente discutido por todos, sob a direção do Diretor Técnico da FJMS, o Professor Emerson Ramos e será mantido, porém, com algumas pequenas alterações, que fazem parte do regulamento enviado a todos os filiados.
• Inicia agradecendo à todos e explicando seu afastamento nos últimos meses de 2011, por motivos de doença em pessoas da família, mais ressalta que o dept° técnico anda pois tem pessoas competentes.
• Diz que Marcelo Mattos tem subsidiado muito no ranqueamento.
• Problemas entre técnicos e arbitragem em 2011 foi desgastante, espera que no decorrer deste ano não mais aconteça.
• Kimono só será cobrado a partir do Juvenil.
• Pesagem continua no mesmo. Categoria Infantil: 500g para cima ou para baixo. Infanto não tem tolerância, mas pode trocar de peso.
• Copas particulares Tem seu padrão, as que quiserem fazer parte do Circuito deverão obrigatoriamente seguir os padrões da Federação.
• Dentre as principais alterações, na Assembléia ficou decidido que os eventos da FJMS, assim como as Copas que queiram fazer parte do Circuito Estadual, o critério para determinar o clube campeão será o método olímpico, por medalhas (ouro, prata e bronze) e não por pontuação.
* O Professor José Ovídio discordou do posicionamento do departamento técnico nesse sentido, pois como está decidido o seu evento, o Três lagoas Open de Judô ficou fora do Ciircuito, porém, os demais clubes que realizaram seus eventos em 2011 também estavam dissonantes com o regulamento da FJMS, e ainda assim puderam realizar seus eventos, e fazer parte do circuito estadual. O Prof. Nicodemos informou que é a favor do critério por pontos e não por medalhas, pois isso incentiva mais ainda a participação.
• No Campeonato Estadual vai ter uma classe branca a laranja, à parte, sem pontuar no resultado geral do clube e no Circuito Estadual, nos naipes masculino e feminino e com eliminatória simples.
• No Torneio Início não haverá o Branca a laranja. Nem judoquinha, nem máster.
• Técnicos terão que usar crachá nas competições – necessário o credenciamento antecipado, conforme regulamento técnico.
• As Copas não serão obrigadas a chamar o Diretor Técnico da FJMS para atuar, mais terá que ter um Delegado da Federação presente.
• Parabenizar os realizadores das Copas, pois estão boas e com bom nível.
• Regulamento aprovado, conforme apresentação nesta Assembléia,


– O Presidente pede a palavra e diz que o Torneio Inicio vem se tornando uma Seletiva, e as Seletivas tem regras oficiais da CBJ.

– O Professor Emerson Ramos agradeceu a todos pela atenção e dedicação nos treinamentos, e que está feliz com os resultados expressivos, tantos nacionais quanto internacionais de 2011, acreditando que 2012 será melhor.

PRESIDÊNCIA – Cesar Paschoal

Agradeceu mais uma vez ao empenho de todos, em específico da Diretoria, os vice-presidentes, os titulares e adjuntos de cada departamento, e em especial ao Prof. Emerson Ramos, que apesar de estar no interior do Estado, tem comparecido em quase todas as reuniões e dirigido com competência o Departamento Técnico da FJMS, que é o mais complexo de todos e o carro chefe do Judô.

Agradeceu também ao Prof. João Rocha, por todo o apoio concedido ao esporte de MS, e que mesmo com tanta tarefa familiar, pessoal e na Câmara dos Vereadores, ainda encontra tempo para os necessários conselhos para que o Judô de MS esteja sempre numa crescente, pois todos ganham com isso (professores, técnicos, árbitros, atletas, dirigentes, pais e mães..).

Parabenizou o Professor Reinaldo Pedro de Souza Santos pela conquista de seu 6º Dan, integrando assim o rol dos mestres de Judô de nosso País, e, juntamente com Prof. João Rocha (7º Dan), Prof. João Shimabukuro (6º Dan), Prof. Roberto Mitio Harada (6º Dan), Prof. Leonildo de Pieri (6º Dan) e Prof. Amadeu Dias de Moura Júnior (6º Dan), passou ao respeitável grupo de Kodanshas da FJMS.

Esta ata deverá ser divulgada amplamente a todos, no site da FJMS, e registrada no Cartório de títulos e documentos, para que gere seus jurídicos efeitos.

Encerrou a Assembléia, agradecendo a presença e atenção de todos.

CESAR AUGUSTO PROGETTI PASCHOAL
PRESIDENTE DA FJMS

Compartilhe essa Notícia:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *